21 de set de 2012

G-Dragon diz que adora ficar louco.



Não há nada mais triste do que alguém que nunca ficou louco por algo antes, e não existe momento mais prazeroso, do que aquele em que você percebe que o tempo voou, enquanto você estava ocupado com algo.

G-Dragon, do Big Bang, que recentemente fez um comeback, com seu primeiro álbum solo, em três anos, já ficou louco antes, e continua louco agora.

Ele é tão louco, que até mesmo deu o título “Crayon” para seu novo single, que significa “Cray (louco) + Yong (dragão em coreano)”. Ele era, é claro, louco por música, quando fez sua estréia como cantor, mas mesmo depois de todo esse tempo, ele ainda pode ser considerado um homem louco por música.

É por isso que tantas pessoas esperam ansiosas para ver G-Dragon se apresentar sozinho no palco, tanto quanto esperam pelas músicas do Big Bang. Como se não quisesse perder a chance de impressionar, G-Dragon prontamente voltou com um novo álbum, em setembro de 2012, e o embalou com canções de G-Dragon, feitas por G-Dragon, para G-Dragon.

“Quando estou no Big Bang, não parece bom se eu ficar sozinho. Trabalho em equipe vem quando você tenta obter a sinergia do que cada membro pode fazer melhor. Quando estou sozinho, no entanto, é completamente diferente. Eu decido tudo, desde o estilo até a música, da minha maneira, do jeito que eu quero. Posso me sentir mais confortável, já que posso fazer o que eu quero. De zero a 100, eu daria 88 para este álbum“.

Ele parecia muito satisfeito com o seu novo álbum, mas também parecia que iria dar a nota máxima para “One Of A Kind”, de seu 2° solo. Isto mostra o quão confiante ele estava sobre a qualidade de seu álbum.

É claro que ele tem suas preocupações: ele se preocupa sobre quanto tempo este bom momento irá durar.

“Você nunca sabe o que vai acontecer. Se as pessoas dizem que estou no topo, então eu devo estar fazendo algo direito. Eu esperava que as pessoas me vissem dessa forma, o que significara que realizei meus sonhos, mais rápido do que os outros, e que agora posso ter sonhos maiores. Uma vez que eu não sei o que vai acontecer amanhã, tenho que me preparar, a partir de agora, para o futuro, que virá em 10 ou 15 anos“.

“Há dois, três anos atrás, os membros e eu tínhamos muitas preocupações. Eu conversei muito com Tae Yang, que começou na música na mesma época que eu, sobre se pensávamos que estávamos indo na direção certa. A resposta que eu encontrei foi, tentar preencher a lacuna entre a minha vida como Kwon Ji Yong e minha vida como G-Dragon, da melhor maneira que eu puder, e continuar a escrever a música que eu quero“.

Em seguida, ele acrescentou: “Estou trabalhando com a música que eu trabalhei, desde que era pequeno e, não posso evitar, mas trabalhar com isto no futuro, então me sinto feliz, apenas me falta tempo“.

Ele até mesmo respondeu à pergunta, sobre se estaria feliz agora, “Eu sou feliz“, com uma risada.

O cantor foi inesperadamente positivo. Ele disse que ainda tenta afastar o estresse, que continua acumulando sobre ele.

“Se eu ficar deprimido, a perda é minha. Eu tenho que me libertar disto rapidamente e tentar pensar coisas boas, e é aí que posso ter uma influência positiva sobre os outros. Eu tento viver com bom humor. (Risos)“.

G-Dragon então confessou que ele fica dizendo a si mesmo: “Você está indo muito bem“.

Na entrevista de uma hora de duração, G-Dragon mostrou que sabe como amar a si mesmo, e sabe como aproveitar a sua música.

Tudo depende de como você pensa sobre isso. Pode parecer óbvio que G-Dragon seria feliz, uma vez que ele é bem sucedido como cantor, mas muitos duvidam se é a verdadeira felicidade. G-Dragon continua a amadurecer por dentro, em meio a tanta atenção, tanto quanto sua música, ao mesmo tempo que cruza a linha entre garoto e homem.

“A razão pela qual estou feliz hoje em dia é porque, até mesmo eu comecei a pensar que sou louco. Eu admito, eu pareço louco no palco. Estou feliz por poder ser louco no palco“, disse ele, e acrescentou, apaixonadamente, que apenas a música torna G-Dragon completo.

Essa mentalidade é a razão pela qual o “louco” segundo álbum solo de G-Dragon vale a pena escutar.

fontes:enewsworld/bbbr

Nenhum comentário:

Curta Nossa FãPage